COMERCIALIZAÇÃO E COMPORTAMENTO DE PREÇOS DA MADEIRA SERRADA NOS ESTADOS DE SÃO PAULO E PARÁ

O objetivo deste trabalho é analisar a comercialização e o comportamento dos preços das madeiras serradas, em especial as questões relacionadas à sazonalidade, causalidade e margens de comercialização. Para tanto, apenas os preços de madeiras nos estados de São Paulo e Pará são considerados dada a disponibilidade de dados. A sazonalidade foi analisada para produtos in natura e semi-processados de exóticas no estado de São Paulo e para pranchas de essências nativas em São Paulo e Pará. A ordem de causalidade é avaliada entre os preços de pranchas de mesmo tipo de árvore entre São Paulo e Pará. Esses mesmos preços são utilizados para analisar margens de comercialização. Nas análises de estacionalidade verificou-se que os preços dos produtos florestais são afetados principalmente pelo aumento dos custos de produção aos consumidores finais, como o aumento do salário mínimo e o pagamento do 13o salário. Constatou-se, também, a existência de efeito bi-causal na relação entre grande parte dos preços das pranchas de essências nativas no estado de SP e os preços destes produtos no estado do Pará. As margens relativas de comercialização calculadas para as diferentes pranchas de essências nativas comercializadas entre os estados do Pará e São Paulo apresentam dois grupos: um em ascensão e outro em redução.


Issue Date:
2006
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/147877
Total Pages:
18




 Record created 2017-04-01, last modified 2017-08-22

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)