TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA DE ORGANIZAÇÕES PÚBLICAS DE PESQUISA: UMA ANÁLISE DAS PERCEPÇÕES DE EMPRESAS AGROINDUSTRIAIS NO BRASIL

No Brasil, há uma evidente preocupação em relação ao crescente sub-investimento público em pesquisa agroindustrial. Tal tendência, decorrente da crise financeira da década de 80, tem obrigado as organizações públicas de pesquisa a reavaliar freqüentemente suas estratégias de financiamento. O objetivo deste trabalho exploratório foi analisar as percepções de empresas agroindustriais sobre a transferência de tecnologia como estratégia de financiamento de pesquisa. Foi realizado um levantamento de dados e informações por meio de um questionário enviado às 61 empresas que se beneficiaram de tecnologias e serviços gerados pela Embrapa Agroindústria de Alimentos nos dois anos anteriores ao início deste trabalho. O questionário abordou aspectos como porte das empresas, percepção da imagem da Embrapa Agroindústria de Alimentos, aquisição de conhecimentos tecnológicos, financiamento participativo de pesquisa agroalimentar, cooperação interorganizacional, direitos de propriedade intelectual e barreiras à transferência de tecnologia. Pelos resultados, observou-se que todas as empresas (100%) estavam prontas a procurar recursos para adquirir e colocar em prática tecnologias consideradas eficientes pela Embrapa Agroindústria de Alimentos; entretanto, apenas 53% das empresas estavam dispostas a participar do financiamento de atividades de pesquisa. Menos de um terço das empresas declarou que desejava cooperar com seus concorrentes para financiar uma atividade voltada ao desenvolvimento ou à aquisição de novos conhecimentos tecnológicos. A grande maioria dos informantes (87%) acreditou que a tecnologia gerada pela Embrapa Agroindústria de Alimentos deve ser pública e portanto disponível a todas as empresas agroindustriais. Também observou-se que as principais barreiras à transferência de tecnologia como a falta de capital disponível, a falta de comunicação interorganizacional e a regulação jurídico-sanitária afetam amplamente o desempenho das empresas. As opiniões a respeito da transferência de tecnologia apontam a necessidade de modificações nas estratégias e nos procedimentos atualmente empregados. Nesse sentido, é importante modelar e implementar novos canais e mecanismos criativos de transferência de tecnologia, procurando sobretudo melhorar as relações entre as entidades governamentais, organizações de pesquisa e empresas agroindustriais envolvidas.


Issue Date:
2006
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/147652
Total Pages:
15




 Record created 2017-04-01, last modified 2017-08-22

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)