REFORMA AGRARIA E OUTRAS POLITICAS DE REDUCAO DA POBREZA

No contexto da nova relação do rural e urbano, a agricultura urbana ganha importância em função de aspectos a ela ligados, tais como a crescente urbanização, a pobreza, problemas de abastecimento e valores de não-mercado. Todavia, os estudos existentes no Brasil ainda são escassos. O objetivo principal deste trabalho é apresentar os resultados de uma investigação sobre a contribuição da agricultura urbana na melhoria da renda e da alimentação de famílias pobres. Para tal, foram entrevistadas, inicialmente, 38 e, posteriormente, 20 famílias, em cinco bairros do município de Santa Maria-RS. Os resultados revelam que a atividade não cumpre necessariamente o papel de provedora de renda adicional, mas conduz a uma economia expressiva, pois certos alimentos deixam de ser comprados. A produção obtida oferece nutrientes importantes, ficando ausentes os alimentos mais ricos em minerais, os quais não são produzidos pelas famílias. A atividade pode ser considerada um modo de produção fora de mercado ou uma economia de subsistência e cumpre papel relevante na complementação da alimentação, fornecendo produtos frescos e relativamente livres de insumos industriais que contribuem para a segurança alimentar e nutricional das famílias.


Issue Date:
2006
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/145696
Total Pages:
19




 Record created 2017-04-01, last modified 2017-08-27

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)