UMA ANÁLISE DO PERFIL DOS CONSUMIDORES DE PRODUTOS ORGÂNICOS EM PERNAMBUCO: O CASO DA FEIRA AGRO-ECOLÓGICA CHICO MENDES –RECIFE- PE.

A agricultura orgânica vem se destacando como umas das alternativas ao modo de produção agrícola convencional, o qual não atende mais aos padrões de consumo atuais devido a um aumento da degradação do meio ambiente, da contaminação do solo e do próprio agricultor que se expõe aos venenos utilizados nos processos de produção. Com isso, a agricultura orgânica aparece vinculada ao ramo da agricultura limpa superando vários paradigmas encontrados nos processos da agricultura convencional. No entanto esse segmento de mercado, ainda desconhecido por muitos, apresenta alguns entraves ao seu desenvolvimento como, por exemplo, o preço dos produtos.O presente trabalho tem o objetivo de analisar o perfil dos consumidores de produtos orgânicos comercializados na feira agro-ecológica Chico Mendes – Recife/ PE, com a finalidade de caracterizá-los e definir o seu comportamento em relação ao fortalecimento desse mercado. Foram entrevistados feirantes e consumidores de produtos orgânicos e aplicados questionários, os quais versaram sobre aspectos da renda , escolaridade, composição familiar, entre outros. Constatou-se que 51, 35% dos consumidores encontram-se na faixa etária entre 32 a 47 anos de idade. Além do que, a média do valor gasto por semana em reais com a compra dos produtos orgânicos na feira é de R$24,30. Com relação à renda familiar, 50% dos consumidores do sexo masculino apresentavam uma renda entre R$1.000,00 e R$4.000,00. O que vem confirmar que existe uma relação entre nível de renda e consumo de produtos orgânicos, ou seja, que a consciência ambiental dos consumidores depende , obviamente, também do nível de renda.---------------------------------------------Organic agriculture has become a alternative to substitute conventional agriculture, once this way of production does not attend to actual consumers patterns, due to an increase of environment processes of degradation, of soil contamination and of the small farmers that are affected by the poison used in the process of production. Thus, organic agriculture appears as a process of clean production that must contribute to improve the quality of life of small farmers and the humankind as well. One of the most difficulty the affects the marketing of organic product is its price, mainly, when we talk about consumer that earns low salaries. This research has as main goal the study of the organic products demand at the Chico Mendes organic fair in Recife city (Pernambuco state), Brazil, in order to analyze the behavior of consumers in relation to theirs family composition, level of education, salaries, among others elements that affect the organic demand. Small farmers were interviewed as well as the organic products consumers and some questionnaires were applied. One evidenced that 51, 35% of the consumers are in the age band of 32 to 47. Beside, the average of the value expensed per week, with the purchase of the organic products in the fair is of R$24,30. With relation to the familiar income, 50% of the consumers of the masculine sex presented an income between R$1.000,00 and R$4.000,00. What it comes to confirm that exists a relation between level of income and consumption of organic products, or either, that the environmental conscience of the consumers depends, obviously, also of the income level.


Subject(s):
Issue Date:
2008-07
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/109599
Total Pages:
14




 Record created 2017-04-01, last modified 2017-04-26

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)